Post seguinte

Bytes don't Bite!

Em qualquer profissão existem pessoas que fazem o conhecido “corpo mole”, alguns , inclusive,  se esforçam tanto na enrolação, que fica até difícil de percebermos, e acabam compensando sua pouca produtividade com grande esforço no “marketing pessoal” ou no “relacionamento” com os colegas.

As conseqüências das ações desse tipo de profissional nem sempre são imediatas ou graves, porém não há dúvida do custo e do prejuízo que essas atitudes podem ter no projeto e até mesmo na empresa.

Apesar desse tipo de profissional existir em todas as áreas e funções, no post de hoje, vamos focar em como reconhecer um testador desse tipo. Vamos apresentar algumas dicas para perceber quando um tester não está trabalhando como deveria, mas não se espante se você visualizar as mesmas características em outros profissionais.

Esse tipo de problema ainda ocorre, porque é fácil se safar sem realizar algum trabalho efetivo, e geralmente os líderes de equipe…

Ver o post original 239 mais palavras

Deixe um comentário

Arquivado em Efêmeras Divagações

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s