Bigodes nos gatos: um aliado nas travessuras

A preocupação em manter os animais de estimação sempre limpos e tosados é muito importante, porém alguns cuidados, principalmente com os gatos, devem ser tomados. Ao contrário do que muita gente imagina, o bigode é sim um aliado dos bichanos, conforme explica o médico veterinário e diretor clínico do Hospital Veterinário Pet Care, Dr. Marcelo Quinzani. “Jamais podemos tosar ou cortar os bigodes dos gatos, pois eles são essenciais para o seu bem-estar, equilíbrio, movimentação e orientação”, afirma.

Uma vez com bigodes danificados, os gatos podem ficar inseguros e ainda ter dificuldades para andar ou correr em linha reta. Se sentem desorientados, não conseguem andar no escuro e, em alguns casos, podem até cair. Saltar e subir em móveis, podem se tornar grandes desafios. Estudos apontam que a ausência do bigode nos gatos pode até ocasionar vômitos, talvez por desequilíbrio e ansiedade. “As terminações nervosas dos bigodes dos gatos são muito sensíveis ao toque e isso é muito importante para se guiarem no escuro. Quando há ausência dos bigodes, observarmos gatos com a face machucada devido às trombadas nos móveis e portas”, ressalta Dr. Marcelo.

Assim como os pelos, os bigodes voltam a crescer dentro de algumas semanasEles são feitos de queratina, o principal componente estrutural que compõe o cabelo e unhas dos humanos. “Os gatos também trocam de bigodes, assim como outros pelos do corpo. Por isso é comum encontrarmos alguns bigodes perdidos pela casa, mas fique atento, se começar a encontrar muitos deles, consulte um veterinário”, alerta o profissional que explica, já que a queda de bigodes pode indicar uma deficiência de vitaminas ou dermatopatias, mesmo para gatos com bigodes quebrados ou mais curtos.

4 Comentários

Arquivado em Efêmeras Divagações

4 Respostas para “Bigodes nos gatos: um aliado nas travessuras

  1. norma7

    Fidel Sartre,
    (apoiada nos ombros dos grandes – tropecei no abaixo)
    É por isso que sempre te respondo (e te levo muito à sério), seguindo recomendações do P.Almodóvar: “Não fique cercado por pessoas que….fazem a mesma coisa que você” . ( vc não faz. faz? começa que a minha preocupação com bigodes é : NIHIL)
    Continue com as tuas gatices e controle firme com os ‘inquilinos’ :D
    Norma

    “Escreva sobre o que te dá medo, sobre o que te dá vergonha, sobre o que você ama. Escreva sem julgar, escreva sobre os outros. Escute conversas alheias, mesmo se as pessoas te parecerem estranhas. Ande de ônibus e de metrô e observe tudo. Lide com pessoas de diferentes profissões e idades. Não fique cercado por pessoas que tem a sua idade e fazem a mesma coisa que você. Aliás, fuja delas.” (Resposta de Pedro Almodóvar para uma cineasta iniciante, quando ela pediu um conselho)

    • Se vc gosta do Almodovar, não pode deixar de ler Patsy Difusa. abs

      • Tks dica. Ele, como transgressor (exceto os patológicos ou rebeldes sem causa) deve ter um alter ego revolucionário…(lembrando: “Tudo que a memória amou já ficou eterno.” – Adélia Prado).
        Então, a ver… Na fila.
        B.sábado e Boa Sorte! Norma

  2. norma7

    Fidel: ‘carinho’ com os seus.
    Boa Sorte, Norma

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s