Irmandade do Senhor Divino Espírito Santo do Vale do Guaporé e Dionisio Faustino, Presidente do Conselho Geral agraciados com a Ordem do Mérito Marechal Rondon

Este slideshow necessita de JavaScript.

Uma das mais justas homenagens que já se viu nestas Terras de Rondon foi a outorga da Ordem do Mérito Marechal Rondon, a maior honraria que este Estado presta a pessoas e entidades que contribuem ou contribuíram para o desenvolvimento do Estado de Rondônia por meio da religião, por sua coragem, ou através da economia, política, cultura e história à Irmandade do Senhor Divino Espírito Santo , na pessoa do seu Presidente do Conselho Geral, Dionísio Faustino. A comenda tem como ícones a Cruz dos Templários, a efígie de Rondon e o contorno estelar do Real Forte Príncipe da Beira, representando a fé, a coragem e a história sobre os quais se assentou o desenvolvimento e o progresso na região.

O culto ao Divino Espírito Santo , evocando o Pentecostes, quando o Espírito manifestou-se aos apóstolos como línguas de fogo, teve início com a construção do templo que lhe dedicou , em Alenquer, a Rainha Isabel de Portugal, esposa de Dom Diniz, no século XIII – a Rainha Santa, reverenciada pelos portugueses e a quem se atribui vários milagres. A celebração, que no Vale do Guaporé envolve o Brasil e a Bolívia, é um Patrimônio Cultural Imaterial de Rondônia que está em processo de instrução para ser reconhecido como Patrimônio Cultural Brasileiro.

4 Comentários

Arquivado em Ao Norte

4 Respostas para “Irmandade do Senhor Divino Espírito Santo do Vale do Guaporé e Dionisio Faustino, Presidente do Conselho Geral agraciados com a Ordem do Mérito Marechal Rondon

  1. elder

    Parabéns beto, fiquei muito emocionado, tanto com as fotos como no video, obrigado, por lutar junto com o Divino E. Santo. É mais que merecedor o Sr. Dionisio receber essas honrarias do Marechal Rondon, parabéns a todos. Obs: poderia divulgar em outros sites tb, abraços.

    • Esta humilde blog tem uma audiência qualificada que vc nem imagina e isto é motivo de muito orgulho , pela credibilidade, que é uma coisa que se conquista e não se compra em feira. A notícia chegou em todos os canais formadores de opinião do Estado e do Brasil, tenha certeza. A reprodução desta matéria, por sua relevância, é livre, para outros veículos sérios. Um outro problema , caro Elder, é que alguns sites locais, que para alguns parecem sérios, no fundo fazem parte da banda podre da imprensa de Rondônia, composta por trambiqueiros e trombadinhas. Não passam de massa de manobra de políticos para todo tipo de “achaques”, se é que vc me entende. Para quê misturar o “Divino” como os “Porcos”. Que vc acha?

  2. norma7

    Que lindo ritual. Tem que ser preservada a todo custo. Se possível numa redoma para não ser contaminado e se descaracterizar como tantas outras. Notei que o narrador tem um sotaque que não identifiquei. Uns ‘S’ bem pronunciados, assim como uma sra. entrevista no início. Fica um português bonito.
    Obrigada por trazer esse conhecimento.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s