Arquivo do dia: 09/12/2011

Zeca Jibóia e Geraldona

Blog da Boitempo

Por Izaías Almada.

Não era difícil imaginar que um dia Zeca Jibóia se apaixonasse por uma mulher. Por outro lado, quase ninguém acreditaria que uma mulher caísse de amores pelo Zeca. E aconteceu.

A proeza, ou melhor, a autora da façanha era conhecida por todo o vale do Jequitinhonha como Geraldona, mulher forte e decidida, de cabelo nas ventas.

Apesar do apelido e da fama de mulher macho, Geraldona era pessoa adocicada e meiga, de bem com a vida. Os pais vieram da Bahia para Minas e, ainda menina, foi curtida em trabalho de sol a sol. Plantou milho, cacau e algodão. Esfolou porco e ferrou cavalo. Dizem que de tanto trabalhar foi esticando o corpo, esticando, até chegar a um metro e setenta e cinco centímetros de altura, coisa rara naquelas bandas. Acabou adquirindo um jeito masculino de tratar as pessoas, apesar da candura. E do que ela gostava…

Ver o post original 850 mais palavras

1 comentário

Arquivado em Efêmeras Divagações

Para-choque de blog

“Tudo aquilo que eu aprendi, antes, eu não sabia!!”

Deixe um comentário

Arquivado em Para-choque de Blog

Conversa Afiada

Vale a pena dar uma passada no Conversa Afiada, do jornalista Paulo Henrique Amorim. Bombásticas revelações na entrevista do Amaury Ribeiro Jr. sobre o livro que escreveu, A Privataria Tucana.

Deixe um comentário

Arquivado em Curta Milimetragem