Arquivo do dia: 25/07/2011

O manifesto de Anders Behring Breivik, o carniceiro de Oslo (via Aventar)

Além de ter criado uma conta no Facebook (cópia disponível) expressamente para a função cartão de visita, Anders Behring Breivik deixou um manifesto em vídeo. Está lá tudo: nacionalismo, anti-marxismo e anti-islamismo.

Não me passando pela cabeça que todos os anti-marxistas, nacionalistas e neo-cruzados desatem para aí aos tiros, o fato é que esta ideologia está entre nós. Não é preciso ir aos foruns e blogues de alguma direita e da extrema-direita para os encontrar, basta ouvi-los nos transportes públicos. O fato de as forças de segurança norueguesas terem subestimado o perigo de atentados vindos desta gente que não usa turbante e combate a “aliança multiculturalista”, é muito significativo. Nada impede um destes tipos que andam de Salazar na boca de seguir o exemplo do norueguês (e sabe-se como este tipo de atentados produz efeitos de contágio).

Quero eu com isto dizer que se deve travar a liberdade de expressão da direita? não, esse seria o pior caminho. Mas é tempo de as polícias europeias lhes dedicarem a atenção que concentram apenas noutros fundamentalistas.  O 22 de julho pode não ficar por aqui, e o branqueamento pela comunicação social da emergência política desta gente (não esquecer que em muitos países da CE estão no poder, ou bem próximos dele), não ajuda nada. Não se trata apenas de um louco, que tudo aponta para não ter agido sozinho, trata-se da emergência de uma ideologia contra a qual a Europa deveria estar vacinada em época de crise. Tal como em 1900 e trintas, não está. Não a tomem a tempo, e ainda vemos a História a repetir-se, novamente como tragédia, é claro.

Read More via Aventar

Deixe um comentário

Arquivado em Delírio Cotidiano, Efêmeras Divagações

Programa Modernizando a Gestão Pública (PMGP) chega a Rondônia

Rondônia começa nesta terça-feira (26) a modernização dos processos na administração estadual. Em parceria com o Movimento Brasil Competitivo (MBC), o governo rondoniense assina o Protocolo de Intenções do Programa Modernizando a Gestão Pública (PMGP) . A partir da adoção de métodos mais modernos de gestão, o estado espera promover novos arranjos nas áreas de arrecadação de Receita e Despesas, Educação e Segurança Pública. Com estes mecanismos, que devem ajudar na identificação de gargalos da máquina pública, a iniciativa espera alcançar mais eficiência dos gastos públicos. Além da economia aos cofres estaduais, o Programa espera melhorar a arrecadação do estado sem aumento de impostos. Com a parceria, o governo rondoniense espera tornar mais eficazes os processos também na Secretaria de Educação. Entre os objetivos está o de alavancar a aprendizagem de alunos da rede estadual e melhorar o desempenho de Rondônia no cenário nacional . As ferramentas ainda devem propor mudanças na Secretaria Estadual de Segurança Pública, Defesa e Cidadania. Entre os indicadores que serão monitorados estão número de homicídios, latrocínios, roubos de veículos, roubo a residência e também roubo de rua.

Já executado nos poderes executivos de 11 estados, oito municípios, além de um Ministério e dois órgãos do poder judiciário, o PMGP propõe a melhoria da gestão nas instituições públicas a partir do aumento da capacidade de investimento e da obtenção de ganhos de competitividade e eficiência. A iniciativa agrega métodos de gestão, técnicas de gerenciamento de receitas e despesas e a reestruturação de processos e órgãos para promover mudanças na administração pública, com apoio da iniciativa privada.

Desde que foi idealizado, o Programa alcançou a marca dos R$ 14,2 milhões em aumento de receitas e otimização de despesas nas cidades e estados onde foi executado. Com o investimento de R$ 78,7 milhões de recursos privados, o resultado, comparativamente, aponta que para cada R$ 1 investido, o retorno global foi de R$ 181.

via Máquina Public Relations / 61 3323 2884 /  www.maquina.inf.br

Deixe um comentário

Arquivado em Divagações

Dispositivo Cinematográfico – La Beauté Des Images

Apresentando a performer e artista visual Gabriela Queiróz. Roteiro e Direção: Cláudia Cardenas Direção de Fotografia e Edição: Rafael Schilichting   Câmera 2: Marina Borck    Direção de Arte : Maurício Muniz

Deixe um comentário

Arquivado em Efêmeras Divagações

Para-choque de blog

“errar é humano, permanecer no erro é caetano”

Deixe um comentário

Arquivado em Para-choque de Blog

Deixe um comentário

Arquivado em Efêmeras Divagações

Os que leem os que comem (via Um Litro de Letras)

Os que comem fotografam, blogam, tuítam. Nunca a comida foi tão retratada, descrita, comentada e criticada. Com tanta informação online, eu imagino que um publisher de revista de gastronomia tenha, hoje, um baita desafio na mão. A revista Gula de julho, por exemplo, traz uma matéria extensa e bem fotografada da nova coleção de pratos da Roberta Sudbrack. Entretanto, a coleção lançada em maio já fora resenhada, alguns dias depois, pela Constance Escobar, no bloghttp://www.praquemquisermevisitar.com.br. Que espaço sobra, então, para as revistas?

Um argumento utilizado com frequência é o de que há blogueiros demais, e curiosos demais, sem a especialização nem o conhecimento necessário para falar do assunto. Existe, aliás, uma reação de canseira a tantos dedos e mouses apontados para filés fora do ponto, e uma sensação de que a crítica não especializada é que passou do ponto. … Read More via Um Litro de Letras

1 comentário

Arquivado em Efêmeras Divagações