Arquivo do dia: 22/07/2011

Projeto quer 20% de gorjeta para garçons que trabalham na madrugada

garçom que trabalha durante a madrugada pode receber o dobro da gorjeta, conforme o Projeto de Lei (472/09), do senador Marcelo Crivella (PRB-RJ). Na proposta, os famosos 10% podem virar 20% sobre a conta, no caso dos garçons que trabalham entre as 23h e 6h. A cobrança não seria obrigatória. Crivella argumenta que esses garçons estão mais sujeitos a riscos de violência, sofrem com as dificuldades de transporte e estão submetidos a um grau de penosidade maior que aqueles que trabalham de manhã e à tarde. No caso, a gorjeta maior seria uma compensação pelas dificuldades enfrentadas. Outro projeto (PL 505/11), do deputado Antonio Carlos Mendes Thame (PSDB-SP) determina que os bares, restaurantes e lanchonetes deverão informar no cardápio o valor calórico de cada refeição. Segundo o parlamentar, muitas vezes, o cliente consome comidas gordurosas por falta de informações. Os estabelecimentos que descumprirem a norma estarão sujeitos à multa, suspensão de fornecimento de produto e cassação da licença de funcionamento.O projeto sobre a gorjeta dos garçons está aguardando entrada na pauta para ser votada em Plenário, o que deve ocorrer só após o fim do recesso parlamentar, em 1º de agosto. Já a proposta sobre os cardápios será analisada pelas Comissões de Defesa do Consumidor, de Seguridade Social e Família e de Constituição e Justiça e de Cidadania.

Deixe um comentário

Arquivado em Notícias

Brasil sob duas rodas para todos(via Rotaway)

Atualmente tenho observado o crescente interesse dos Europeus em conhecer o Brasil de motocicleta. Recentemente o motociclista português Joe (Joaquim Rolha, primeira foto de cima para baixo), que hoje reside na Alemanha, veio conhecer de motocicleta algumas das nossas regiões e passou por Lençóis na Chapada de Diamantina, praias do Litoral da Bahia, Espírito Santo, Rio de Janeiro e São Paulo, além de cidades históricas como Ouro Preto e Diamantina através da Estrada Real.

E por quê nós, brasileiros, não buscarmos estes destinos com mais frequência? São viagens fáceis de serem programadas e favoráveis a questões como disponibilidade de tempo e financeira. Quando escolhemos um destino aqui no Brasil, que por sinal é bem difícil por haverem muitas possibilidades, podemos vivenciar sensações e situações semelhantes, se não ditas iguais a quase a maioria dos destinos escolhidos por muitos motociclistas que viajam mundo afora. Como ponto de partida e destino, seja de São Paulo, Rio de Janeiro, Belo Horizonte, Brasília e outras cidades, há uma gama de opções ou para os mais aventureiros uma gama de opções para rodar sem destino algum. Sempre um excelente motivo para pegarmos as nossas motocicletas e estarmos pelas estradas.

Quando me encontrava em maio deste ano em Portugal, onde conheci Joe, o mesmo me questionava sobre as opções de turismo aqui pelo Brasil. Este me disse que viria pra cá e passaria uns 15 dias fazendo um tour por nossas terras. Naquele momento me dei conta à infinidade de opções a qual Joe poderia conhecer. O que seriam 15 dias para que Joe tivesse uma ideia do seria um tour pelo Brasil? Pensei no Pantanal, na Estrada Real, o Caminho do Ouro e Diamantes, os Cânions do Sul, a Serra do Rio do Rastro, Bonito, Praias do Nordeste, Chapada de Diamantina e dos Veadeiros. A Amazônia? Sem sequer mencionar milhares de outras opções… O que eu poderia indicar?! Naquele instante mais uma vez me dei conta do que o Brasil pode nos oferecer no moto turismo.

E Joe chega ao Brasil, com uma KMT 990 Adventure cedida pelo amigo Nicolas, rodou alguns estados, como Bahia, Espírito Santo, Minas Gerais, Rio de Janeiro e interior de São Paulo e conheceu lugares como Morro de São Paulo, Porto Seguro Chapada de Diamantina, trechos da Estrada Real, a cidade do Rio de Janeiro e retornando para Ilha Bela, litoral norte de São Paulo.

No meu encontro com Joe, o mesmo não escondia o seu encantamento com a diversidade da nossa fauna e flora, do nosso contraste topográfico entre montanhas e o mar, que listram paisagens encantadoras das nossas belezas naturais por onde passou.
Desde as montanhas de Minas Gerais, Chapada Diamantina ao litoral da Bahia, Joe se surpreendeu com a grandeza de alternativas as quais temos aqui no Brasil para o moto turismo aventura. Joe tem uma característica em optar pelas estradas off road, que no seu conceito de viagem, onde por estes caminhos se tem a oportunidade de estar bem mais perto das nossas culturas regionais.
E nós brasileiros, o que estamos esperando? Vamos adequar o tempo que seja compatível com as nossas disponibilidades e sair em busca destes destinos o quanto antes! Opções não faltam!
Um grande abraço e boas estradas, pelo BRASIL.

Eduardo Wermelinger

1 comentário

Arquivado em Delírio Cotidiano

Cidades Eróticas do Mundo (via Adoro Viagem)

Eros, deus grego do amor. Do seu nome nasceu o erotismo; Sensualidade, libido, desejo.  Envolvendo ou não o afeto, o erótico desliza sensações pelo instinto animal do ser humano, suas expressões causam vitória e derrota, submissão e controle, desejos que vão desde obras do Marquês de Sade às canções da Madonna. Em alguns lugares do mundo a flecha do cupido desvia do coração e atinge primeiro a testosterona e os estrógenos. Ajoelhar-se para oferecer um anel de noivado em alguma dessas cidades parece impensável, mas as declarações de amor efusivas por trás das paredes parecem não se importar com o futuro. Conheça agora algumas das cidades que seguem a risca os ensinamentos de Mallanaga Vatsyayana no Kama Sutra, e que até fariam Madame Bovary relaxar com os seus pecados. Continue Lendo via Adoro Viagem

Deixe um comentário

Arquivado em Reblog