Arquivo do dia: 10/12/2010

Dilma Rousseff, na saúde e na doença (via Natalia Viana)

Não foi só a saúde da presidente da Argentina, Cristina Kirchner, que foi alvo da curiosidade do governo americano. A presidente eleita do Brasil, Dilma Rousseff, também teve detalhes do seu estado de saúde investigados pela embaixada americana em meados do ano passado, quando sofreu de câncer linfático.

Documentos publicados hoje pelo WikiLeaks também revelam que o ex-embaixador americano em Brasília, John Danilovich, relatou que ela havia  planejado três assaltos quando era integrante da organização VAR-Palmares.  … Leia Mais

via Natalia Viana

Deixe um comentário

Arquivado em Efêmeras Divagações

Do blog do Confúcio : Nomes do governo (ATUALIZADO 24/12/2010)

” Vamos ao que interessa, os nomes que me ajudarão a governar Rondônia entre os anos de 2011 a 2014. O quadro ainda não está completo devido alguns partidos aliados ainda não me entregaram os seus representantes no governo. A medida que forem aprovados pelo MP e por mim, aí sim anunciarei diáriamente.  Estou ainda aguardando a informação do MP até mesmo dos nomes abaixo, caso tenha qualquer restrição serão substituídos.
1. POL. MILITAR  /Cel.l Paulo César de Figueiredo  – Sub: Cel. Antonio Carlos Tomazzoni
2. CASA MILITAR / Maj Mauricio Marcondes Gualberto
3. SEFIN /Dr. Benedito Antonio Alves  – Adj: Wagner Luiz de Souza
4. DETRAN /  Airton Gurgacz – Adj. :Cel. João Maria de Sobral Carvalho
5. SESAU / Dr. Alexandre Carlos Muller
6. SUPEL / Márcio Rogério Gabriel
7.REP. EM BRASILIA / Elizete Lionel
8. CORPO DE BOMBEIROS / Cel. Lioberto Ubirajara Caetano de Souza
9. DEOSP / Engº. Abelardo Castro Neto
10.SEDAM /Nanci Maria Rodrigues da Silva – Adj: Cel. Josenildo do Nascimento
11. SEDUC/Jorge Alberto Elarrat Canto – Adj. : Neila Pires Myrria
12. CGE/Juliana Furini Reginato
13. SEJUS/ Mirian Speráfico –Adj.: Zaqueu Vieira Ramos
14. SEPLAN/George Alessandro Gonçalves Braga –Adj.: Avenilson Trindade
15. SETUR/ Júlio Olivar
16. CAERD/Sérgio Rubens Castelo Branco Alencar
17. DECOM/Fred Perillo
18. DER/ Lúcio Antonio Mosquini
19. SESDEC/ Marcelo Nascimento Bessa – Adj: Ricardo Rodrigues
20. SEAS/ Cláudia Lucena Aires Moura
21.IPERON /Walter Silvano Gonçalves Oliveira
22.SOPH /Mateus Santos Costa
23.SEDES /Edson Luiz Vicente – Adj: Allan James França Benjamim
24. SECEL /Francisco Leilson Celestino de Souza Filho
25.SEAS Adj: Márcio Antônio Félix Ribeiro
26. PGE /Valdecir Silva Maciel : Adj. Maria Rejane Sampaio  Santos
27. SEAD /Vera Lúcia Paixão
28. IPEM/Osni Ortiz –Vice: Francisco Batista da Silva (Pantera)
29. CASA CIVIL/ Ricardo Sá Vieira Adj: Basílio Leandro de Oliveira

30. SEAGRI/ Anselmo de Jesus -Adj: Antonio Deusemínio
31. POLICIA CIVIL /Diretor Geral : Claudionor Soares Muniz  – Adj. :Sandro Luiz Alves de Moura

Boa sorte a todos e que Deus nos ajude.”

Deixe um comentário

Arquivado em Divagações

Por quem os sinos dobram : o pau quebra em Goiás

Site conservador denuncia “Escândalo e imoralidade na Catedral de Goiás”

“Curta o sexo com prazer”, dizem os cartazes afixados à entrada da igreja.

Este slideshow necessita de JavaScript.

Indagamos ao Senhor Bispo que medidas serão tomadas para punir os responsáveis pela catedral por tamanho desrespeito à Fé Católica e como sanar os danos já causados aos fiéis católicos que tiveram a infelicidade de entrar na catedral nesse dia. Embora pouco se possa esperar de uma diocese infestada pelo espírito da Teologia da Libertação, um grande ato de reparação por parte de suas autoridades, especialmente do senhor bispo, se faz mais que necessário. Clamamos a nossos leitores para que ofereçam suas orações em desagravo ao Sagrado Coração de Jesus e ao Imaculado Coração de Maria por tamanha ofensa.

Abaixo, o “cabido” (!!) da catedral da diocese de Goiás, entregue à ordem dominicana:

Da esquerda para a direita: Frei Paulo Sérgio Cantanheide Ferreira, pároco; Fr. Marcos Lacerda de Camargo, superior de residência; Fr. Domingos dos Santos; Fr. Casemiro Witasiak, vigário paroquial.Da esquerda para a direita: Frei Paulo Sérgio Cantanheide Ferreira, pároco; Fr. Marcos Lacerda de Camargo, superior de residência; Fr. Domingos dos Santos; Fr. Casemiro Witasiak, vigário paroquial.

via http://fratresinunum.com

NR: Tentamos colocar um link para esta matéria mostrando os dois lados  nos comentários do referido site, mas o moderador conservador baniu o link.

……………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………….

E vejam abaixo a resposta , publicada no site da Paróquia de Goiás :

Resposta a um equívoco

Cidade de Goiás 06/12/2010

Prezados amigos,

Saúde e Paz a todos

Todos sabem que não é do meu estilo escrever carta aberta respondendo a ataques ou tentando explicar situações polêmicas, porém, no momento me vejo na obrigação de tomar tal atitude, pois a trama dos acontecimentos está penalizando uma segunda pessoa por causa de um fato que é de minha inteira responsabilidade. A pessoa a quem me refiro é nosso Bispo diocesano, Dom Eugênio Rixen, que tem sido alvo da fúria insana de grupos conservadores de ideologia tridentina e contrários às definições do Concílio Vaticano II.

Na penúltima semana de novembro fui procurado por funcionários da Secretaria Municipal de Saúde que traziam a proposta de realizar um momento de reflexão no dia mundial de luta contra a Aids e solicitavam o apoio da Paróquia de Sant´Ana através da Pastoral que acolhe os Portadores de HIV.

Realizamos duas reuniões para preparação do evento, onde fiz questão de esclarecer que a Igreja Católica não compreende a prevenção ao HIV como distribuição de preservativos, mas como um caminho de humanização da sexualidade. Diante disso, ficou definido que se a Secretaria de Saúde pretendesse fazer alguma atividade que envolvesse a distribuição de preservativo deveria desenvolvê-la em outro espaço, pois a Catedral estaria disponível apenas para a parte formativa e educativa dos alunos da Rede Pública.

E assim foi feito, porém, a Secretaria de Saúde montou uma tenda na praça para a distribuição de material e realizou um show musical para encerramento do evento. Devo lembrar que a praça não é de propriedade da Igreja e tenho plena convicção que não estamos mais na Idade Média, onde a Igreja cultivava a Ilusão de poder definir as ações do Governo.
Um inconveniente por parte da Secretaria de Educação foi a utilização do mural da Igreja para pendurar cartazes que incentivavam o uso de preservativo, sem me consultar. Aqui confesso minha responsabilidade sobre o inconveniente, pois não fiz uma averiguação inquisitorial sobre a ornamentação do ambiente e acabei deixando passar despercebida a presença dos referidos cartazes.

Algumas pessoas extremamente mal intencionadas fotografaram tais cartazes e os publicaram na Internet acusando a Igreja de Goiás de distribuir camisinha e incentivar a fornicação. A reflexão realizada por mim e pelo Pastor William da Igreja de Deus com o grupo de alunos que passaram pela Catedral de Sant´Ana tarde do dia 1º de dezembro foi exatamente o contrário do que estamos sendo acusados, pois procuramos despertar para a acolhida fraterna daqueles que são portadores de HIV e a prevenção foi trabalhada como um planejamento espiritual que envolve um conhecimento maduro da sexualidade e o respeito a si e aos outros. Professores que acompanharam os alunos naquela tarde podem testemunhar o que estou afirmando.

Desde a última campanha eleitoral, D. Eugenio vem sofrendo ataques pessoais de uma Ala conservadora da Igreja por assumir uma posição contrária ao determinismo eleitoral de alguns grupos que, usando o nome da CNBB, insistiam em definir em quais candidatos os fiéis não deveriam votar. As acusações que circulam mais uma vez contra a Diocese de Goiás, resultado de um plágio maldoso e antiético, são apenas mais um capítulo dessa cruzada interna forjada por grupos conservadores da Igreja que insistem em tomar a Diocese de Goiás e seu Bispo como bode expiatório de seu fundamentalismo e anacronismo eclesial.

Há mais de cinco anos estou à frente dos trabalhos pastorais da Paróquia da Catedral de Sant´Ana e sempre recebi de meu Bispo confiança e autonomia para desenvolver trabalhos de natureza social e em parcerias com outros seguimentos da sociedade. Antes de realizar a atividade do dia mundial de luta contra a Aids, comuniquei a D. Eugenio qual seria a dimensão da participação da Igreja e ele lamentou não poder estar presente à atividade.

Portanto, reitero que toda a responsabilidade em relação à atividade desenvolvida na Catedral de Sant´Ana no dia primeiro de dezembro é de minha inteira responsabilidade e estou à disposição daqueles que quiserem mais algum tipo de explicação sobre o ocorrido.

Sou maior de idade, respondo pelos meus atos e não acho justo que o Bispo da Diocese de Goiás seja caluniado por uma questão que é de minha responsabilidade. Estou aberto para o diálogo fraterno e o entendimento com qualquer grupo da Igreja, porém, não me intimido com perseguição, postura neo-inquisitorial e tampouco com difamação e denúncia de endemoninhamento, pois sou livre! Acredito em Igreja que seja espaço onde se viva na liberdade dos Filhos de Deus. E o que é mais importante, vivo ancorado nas verdades do Evangelho de Jesus.

Felizes quando vos insultarem e perseguirem e, por minha causa disserem todo tipo de calunia contra vós. Alegrai-vos e exultai, por que grande será a vossa recompensa nos céus. Mt 5, 11-12

Frei Paulo Sérgio Cantanheide, OP
Pároco da Catedral de Sant´Ana

via http://www.paroquiadegoias.org.br/

………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………….

E você o que pensa de tudo isto ? Comente….

4 Comentários

Arquivado em Delírio Cotidiano

A regra é clara, prender não é preciso (via Banda Podre – A máfia das polícias)

Por Paulo Ricardo Paul

Baseado em fatos reais, vertiginosas ficções.
Invadiram o Complexo do Alemão, antes fizeram um cerco nunca visto no Rio, com a participação da Polícia Militar, da Polícia Civil, da Polícia Federal e das Forças Armadas.
A invasão contou com o apoio aéreo (helicópteros) e em terra os blindados abriam caminho derrubando todas as barreiras, não impedia o avanço da tropa.
Em casa, sentado em frente ao televisor, o povo aguardava pelo confronto final, o sangue desceria as ladeiras e dezenas de traficantes seriam mortos, mais uma vez, como ocorreu na última invasão do Complexo do Alemão, isso em 2007.
Todos esperavam uma luta encarniçada tendo em vista que para o atendimento dos seus projetos políticos, tanto o governo federal, quanto o estadual, resolveram deixar o Alemão em paz, para que as obras do PAC pudessem gerar os desejados votos.
O prenúncio era de que o filme Tropa de Elite seria exibido “ao vivo” para o mundo todo.
Antes da invasão tivemos o comandante geral da Polícia Militar dando um ultimato em rede nacional, que não foi obedecido.
A invasão começa e como se tudo não passasse de uma grande ficção, uma vertiginosa ficção, os combates não apresentam a intensidade esperada.
A poeira desce e os seiscentos traficantes de drogas não são presos, a quase totalidade desaparece como em um passe de mágica.
Ninguém sabe, ninguém viu.
Dizem que fugiram pelo esgoto como ratos ou que pegaram uma carona nos “caveirões”, outros afirmam que continuam na comunidade.
O certo é que os números são tímidos, pó é uma poeira e a “banda podre” comemora a Serra Pelada do Rio de Janeiro.
Tudo pode ser verdade, tudo pode ser mentira.
No Tropa de Elite 3, os bandidos conseguem fugir com suas armas de guerra e o “Capitão Nascimento” de brincadeira fica falando abobrinhas na TV, nem ele se salvou.
O lanterninha faz uma pergunta:
– Por que avisaram tanto antes de invadir?
A regra é clara, prender não é preciso.

via Banda Podre -A máfia das polícias

Deixe um comentário

Arquivado em Efêmeras Divagações

OCO (via Doidivana)

Você lamenta que nada tenha dado certo entre nós, diz que nunca amou ninguém igual, que ainda sente muito minha falta e me imagina ao seu lado até hoje, dividindo o pouco que a vida lhe dá (um filhote de cachorro, um copo de vinho, um cd novo). Besteira lamentar, amor também é buraco e o nosso nasceu com essa vocação. E buraco é bonito também. E vai ficando mais bonito à medida que envelhece, mais bonito e mais fundo. Vista o seu que eu visto o meu … Read More

via Doidivana

Deixe um comentário

Arquivado em Efêmeras Divagações

Do mural de Alberto Lins Caldas

vago
nessa vaga
q me cava

abro
esse dia
encoberto

nada
isso nada
nem é tudo

trago
quase mudo
e não giro

vivo
so esperando
esperar

traço
labirintos
com teus olhos
*

Deixe um comentário

Arquivado em Delírio Cotidiano