Pode ser que nada

Por Lê Bertagna

No dia 29 de junho caminhei até o centro da cidade ou exatamente 18 quadras com a seguinte proposta: olhar dentro dos olhos de todas as pessoas que cruzassem comigo na rua. Desta experiência:

apenas 10% das pessoas retribuíram em algum momento o olhar dado a elas;
90% das pessoas não notaram que estavam sendo insistentemente olhadas;
homens mais velhos olham mais que homens e/ou mulheres mais jovens, e não acredito que seja por razões sexuais;
algumas poucas pessoas retribuíram o olhar com intenções sexuais, entre elas: dois homens e uma mulher;
muitas pessoas usam óculos escuros;
dos 10% que retribuíram o olhar, 9,7% desviaram. Desconheço o motivo;
somente um olhar fez o meu olho desviar, me venceu.

Pode ser tudo mentira.

Deixe um comentário

Arquivado em Efêmeras Divagações

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s