Arquivo do dia: 22/04/2010

Ao Norte – 15 – JB Aragão, empresa aviadora de Manaos

Barracão da JB Aragão, empresa aviadora de Manaos

Deixe um comentário

Arquivado em Efêmeras Divagações

Quase R$ 57 milhões para premiar mais de 1.000 artistas

R$ 56,8 milhões é o valor exato que a Funarte e o Ministério da Cultura vão investir em  34 editais de fomento às áreas de teatro, dança, circo, artes visuais, fotografia, música, literatura, cultura popular e arte digital. Serão concedidos mil prêmios e bolsas de até R$ 260 mil, para projetos de produção, formação de público, pesquisa, residências artísticas, apoio a festivais e produção crítica sobre arte.

Foram lançadas as novas edições dos prêmios Myriam Muniz (teatro), Klauss Vianna (dança) e Carequinha (circo) e da Rede Nacional Artes Visuais – que estão entre as principais políticas públicas para as artes no Brasil. O apoio à literatura, à criação em música erudita e à circulação de música popular também está mantido.

Pela primeira vez, a Funarte lança editais para seleção de festivais. Há também prêmios para artes cênicas na rua e o apoio a residências artísticas no Brasil e no exterior. A instituição investe na composição de música erudita, em concertos didáticos na rede pública de ensino e na gravação de CDs de música popular. Nas artes visuais, a Funarte volta a apoiar festivais e salões regionais, além de viabilizar projetos de pesquisa e reflexão crítica sobre artes contemporânea. A fotografia será tratada como categoria à parte, com o Prêmio Marc Ferrez.

Sempre fui, sem qualquer falsa modéstia, um batalhador das causas culturais do Norte do Brasil, me manifestando em Festivais, Foruns, Júris, o escambau. Publico com alegria este anúncio, porque constato que nunca na história deste país se fomentou a cultura de forma tão abrangente e democrática. Tenho dito !

2 Comentários

Arquivado em Efêmeras Divagações

Quase R$ 1 milhão são apreendidos com "artistas da falsificação"

A Polícia Militar de Rondônia apreendeu, nesta quinta-feira (22), cerca de R$ 800 mil em notas falsas de R$ 50, na cidade de  Candeias do Jamari (RO), a cerca de 25 km da capital de Rondônia , Porto Velho após denúncias de comerciantes da região que desconfiaram do papel moeda pelo singelo fato de que elas não continham número de série.

Segundo a polícia, as cédulas foram encontradas por dois homens em um Fiat Palio, de cor Prata de placas NKB 0817 da cidade de  Trindade /GO, que estava em uma chácara as margens da BR 364.

Todos eram menores de idade e disseram ter escondido mais dinheiro num bueiro à beira da estrada .

Sabe quanto ? Vai somando.

No bueiro, a Polícia contabilizou R$ 203.900,00. no interior do veiculo mais R$ 528.800,00. Na residência de um dos menores infratores, R$ 88.700,00. Total: R$ 821.400, por enquanto…

Dá prá fazer um B.O. Se você não é da área de cinema, vai até pensar que é Boletim de Ocorrência.

Mas não é não.

BO é filme de Baixo Orçamento. Quá !

2 Comentários

Arquivado em Notícias

Quase R$ 1 milhão são apreendidos com “artistas da falsificação”

A Polícia Militar de Rondônia apreendeu, nesta quinta-feira (22), cerca de R$ 800 mil em notas falsas de R$ 50, na cidade de  Candeias do Jamari (RO), a cerca de 25 km da capital de Rondônia , Porto Velho após denúncias de comerciantes da região que desconfiaram do papel moeda pelo singelo fato de que elas não continham número de série.

Segundo a polícia, as cédulas foram encontradas por dois homens em um Fiat Palio, de cor Prata de placas NKB 0817 da cidade de  Trindade /GO, que estava em uma chácara as margens da BR 364.

Todos eram menores de idade e disseram ter escondido mais dinheiro num bueiro à beira da estrada .

Sabe quanto ? Vai somando.

No bueiro, a Polícia contabilizou R$ 203.900,00. no interior do veiculo mais R$ 528.800,00. Na residência de um dos menores infratores, R$ 88.700,00. Total: R$ 821.400, por enquanto…

Dá prá fazer um B.O. Se você não é da área de cinema, vai até pensar que é Boletim de Ocorrência.

Mas não é não.

BO é filme de Baixo Orçamento. Quá !

2 Comentários

Arquivado em Notícias

Começa a 7ª edição do Festival de Cinema na Internet

A 7ª edição do Fluxus – Festival Internacional de Cinema na Internet – trará a competição de 40 filmes produzidos em 14 países. O Festival será realizado entre os dias 23 de abril a 20 de junho, tanto no ambiente virtual – http://www.fluxusonline.com – quanto no Museu da Imagem e do Som (MIS), em São Paulo, onde será instalada a Galeria Fluxus.

O Fluxus é um espaço dedicado à arte do audiovisual e usa como critério para a seleção de seus filmes a experimentação, originalidade e inventividade. O evento conta com a participação de filmes de 3 a 20 minutos de duração, de qualquer gênero e realizados em todos os formatos.

Pela primeira vez, o Festival contará com uma exposição chamada Fluxus OFFline. A Galeria Fluxus, que ocupará o espaço de exposição do MIS, trará a possibilidade de um ambiente de exibição coletivo, um reduto cinematográfico composto de 12 telas que vai proporcionar ao espectador visões simultâneas de todos os filmes do festival. Com exclusividade na Galeria, haverá um espaço dedicado a uma retrospectiva que exibirá 14 filmes de edições anteriores do festival. Foram convidados artistas importantes, como Seoungho Cho, Anney Bonney, Anouk de Clercq, Cao Guimarães, entre outros.

No site do Fluxus 2010 – http://www.fluxusonline.com – o público, além de assistir, poderá fazer sua lista de filmes preferidos, compartilhar, comentar e escolher o melhor filme do festival. O site entra no ar em 22 de abril e o patrocínio é da Petrobrás.

Deixe um comentário

Arquivado em Notícias